Bboy Biel Perez (Diademaica Crew). Foto: Carlos levi 4 lugares para treinar e aprender a dançar breaking em São Paulo

4 lugares para treinar e aprender a dançar breaking em São Paulo

Para quem não conhece, o Breaking, B-boying ou B-girling (vulgarmente chamado na mídia de massa como “break dance”) é um estilo de dança parte da cultura Hip Hop nascida nos anos 70 nos EUA e criada por afro-americanos e latinos como forma de expressão de um povo marginalizado racialmente. Quem pratica essa dança é chamado de breakdancer, breaker, B-boy ou B-girl. Dos guetos de Nova York, o breaking, como parte do Hip Hop, se tornou cultura urbana de projeção mundial e hoje é elemento central do cotidiano de jovens das periferias de São Paulo, mas também de grandes eventos e competições globais.

Se você quer aprender a dançar breaking ou já dança e quer saber de picos legais para treinar em São Paulo, a Diademaica Crew indicou pra nós quatro lugares bem maneiros pra isso. E quem ensina? Bom, esses espaços, eventualmente, tem oficinas de dança, mas indo acompanhar os treinos e eventos, você facilmente encontrará pessoas que se dispõem a ensinar quem quer aprender.

Casa do Hip Hop de Diadema

Fundada em 1999 a Casa do Hip Hop de Diadema, é a primeira nesse segmento. Além de ensaios de dança, por lá também rolam oficinas, cursos e palestras. É um centro cultural muito importante para a região do ABC e para a Grande São Paulo como um todo.

Fica aberta de segunda a sábado das 10h às 18h. Porém os dias de treino de breaking são de terça e quinta, das 14h às 19h e de sábado às 14h as 18h.

Endereço: R. Vinte e Quatro de Maio, 38 – Canhema, Diadema – SP, 09941-510

Casa do Hip Hop de Diadema / Bboy Biel Perez, da Diademaica Crew. Imagem: Union Break

Centro Cultural da Juventude (CCJ) – Vila nova Cachoeirinha (São Paulo)

O CCJ da Vila nova Cachoeirinha é outro pico bem importante onde você pode aprender e treinar breaking. Sempre acontecem eventos e competições locais e internacionais por lá.

Os dias de treino são de terça e sexta das 18h às 21h.

Endereço: Avenida Deputado Emílio Carlos, 3641 – Vila Nova Cachoeirinha, São Paulo – SP, 02720-200

Centro Cultural da Juventude (CCJ). Freesytle Session 2015. Foto: Sidney Paiva | AIMB

CAJUV (Coordenadoria de Ações para a Juventude) – São Bernardo do Campo

O CAJUV é um espaço público onde são oferecidos 52 diferentes cursos de artes e esportes, atendendo a mais de 5.500 jovens, gratuitamente. Mas além desses cursos, para os quais você precisa se inscrever, crews, bboys e bgirls da região fazem seus treinos de breaking e street dance de forma livre. É só fazer amizade, conhecer o espaço e ir treinar.

Os dias de treino são de segunda à sexta das 13h as 21h.

Endereço: Avenida Redenção, 271 – Portaria 23 – São Bernardo do Campo – SP.

Centro Cultural São Paulo (Metrô Vergueiro – São Paulo).

Um dos primeiros espaços culturais multidisciplinares do Brasil, o CCSP (também chamado de centro Cultural Vergueiro) conta com a Pinacoteca Municipal, o Arquivo Multimeios e a Discoteca Oneyda Alvarenga. o Centro

Cultural também oferece peças de teatro, espetáculos de dança, mostra de artes, debates e cursos.

Além disso, bboys e bgirls se juntam lá para treinar durante quase toda a semana, compartilhando espaço com pessoas de muitas culturas diferentes. É um local multicultural, então pra colar lá tem que ir de mente aberta e disposto a aprender.

Os treinos são de segunda à sexta das 14h às 21h.

Endereço: Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso, São Paulo – SP

Centro Cultural da Juventude (CCJ).


Diademaica Crew é um grupo residente na Cidade de Diadema – SP, atuante na cena do Hip Hop desde de 2010. Se liga na batalha de comemoração de 6 anos da crew:

Previous ‘A Rotina do Pombo’: rapper Thiago Elniño anuncia projeto transmídia com mais de 50 artistas
Next Favela Business EP2: Urban Supply

About author

Robin Batista
Robin Batista 21 posts

Robin Batista é designer, editor do Afroguerrilha e colaborador da AFROPUNK.

View all posts by this author →

You might also like

Música 0 Comments

Muito carão e amor no novo clipe lindão de Rico Dalasam

Com vocês, Rico Dalasam! Com certeza vocês já ouviram falar desse cara? Não!? Então já pode continuar a leitura! Haha! Antes de tudo, gostaria de agradecer a todos que acompanham

Cultura 0 Comments

A importância de valorizar a beleza negra para enfrentar o racismo

Ainda que de maneira muito reduzida, pessoas negras tem ganhado algum espaço nas mídias impressas, televisiva e digitais e tentado com muito esforço apresentar uma outra imagem do que é

Cultura 0 Comments

Professor e rapper Thiago Elniño faz uma crítica ao sistema de educação sob a perspectiva racial.

O educador e rapper Thiago Elniño disponibilizou nessa semana o primeiro single do album A Rotina do Pombo, a ser lançado dia 1 de Fevereiro. Com participação do MC carioca

1 Comment

Leave a Reply